Ford diz que encerrará joint venture de célula de combustível com a Daimler

Por Joseph White

DETROIT (Reuters) - A Ford e a Daimler estão encerrando uma joint venture formada para desenvolver tecnologia de célula de combustível automotivo, informou a montadora norte-americana nesta quarta-feira, à medida que ambas as empresas pretendem tocar individualmente o desenvolvimento da tecnologia.

A Automotive Fuel Cell Cooperation Corp. fechará no terceiro trimestre, disse a Ford em resposta a uma pergunta da Reuters.

Apesar de anos de pesquisa e investimento das principais montadoras e startups, os veículos movidos a células de combustível continuam sendo um nicho minúsculo no mercado global de veículos.

A Honda e a General Motors estão colaborando no desenvolvimento de células de combustível, e a Toyota está intensificando os esforços para produzir pilhas de células de combustível em massa.

No início desta semana, a Ballard Power Systems prorrogou um contrato com a unidade Audi da Volkswagen para trabalhar no desenvolvimento de células de combustível.

A Ford "tocará o desenvolvimento da pilha de combustível internamente, bem como alavancará a base de fornecimento, e fechará a Automotive Fuel Cell Corporation até meados do terceiro trimestre de 2018", disse a montadora de Dearborn, Michigan. "As duas empresas continuarão a explorar formas de cooperar no desenvolvimento de módulos de pilha de combustível".

O presidente-executivo da Daimler, Dieter Zetsche, no início deste ano indicou que a montadora alemã estava mudando seu foco para veículos elétricos a bateria.

O empreendimento empregou cerca de 200 pessoas, de acordo com seu site.

(Por Joseph White)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos