Celular top, foto 'topzera'

Apple, LG ou Samsung: qual celular top de linha faz a melhor foto? Nós comparamos

Gabriel Francisco Ribeiro Do UOL, em São Paulo

Não adianta: se você quer fotos cada vez mais profissionais em celulares, o jeito é comprar aparelhos tops de linha. Apesar de dispositivos intermediários darem conta do recado, os smartphones com aquele precinho mais salgado são imbatíveis em fotos perfeitas.

O UOL Tecnologia comparou foto a foto cinco celulares lançados em 2018: iPhone XS Max, iPhone XR, Galaxy Note 9, Galaxy S9+ e LG G7 ThinQ. Você pode ver as montagens das fotos lado a lado ou descer a tela até ver o álbum com as fotos maiores. E aí, qual câmera é a melhor?

Ficha Técnica

  • iPhone XR

    Câmera traseira: 12 MP - Câmera frontal: 7 MP - Abertura: F 1.8 (traseira) e 2.2 (frontal) - Estabilização: óptica - Zoom: digital de até 5x - Preço: a partir de R$ 5.199

  • iPhone XS Max

    Câmera traseira: dupla de 12 MP - Câmera frontal: 7 MP - Abertura: F 1.8 (grande angular), 2.4 (teleobjetiva) e 2.2 (frontal) - Estabilização: óptica - Zoom: óptico de 2x, digital até 10x - Preço: a partir de R$ 7.999

  • Galaxy Note 9

    Câmera traseira: dupla de 12 MP - Câmera frontal: 8 MP - Abertura: entre F 1.5 e F2.4 (traseira, variável) e F 1.7 (frontal) - Estabilização: óptica - Zoom: óptico de 2x, digital até 10x - Preço: a partir de R$ 3.999

  • Galaxy S9+

    Câmera traseira: dupla de 12 MP - Câmera frontal: 8 MP - Abertura: entre F 1.5 e F2.4 (traseira, variável) e F 1.7 (frontal) - Estabilização: óptica - Zoom: óptico de 2x, digital de até 10x - Preço: a partir de R$ 3.499

  • LG G7 ThinQ

    Câmera traseira: dupla de 16 MP - Câmera frontal: 8 MP - Abertura: entre F 1.6 e F 1.9 (principais) e F 1.9 (frontal) - Estabilização: ótica - Zoom: sem informações - Preço: a partir de R$ 2.999

Reprodução Reprodução

O que eles oferecem?

Esses smartphones têm diferenças importantes entre si. Por exemplo, só S9+ e Note 9 contam com a abertura variável na câmera principal, que permite que a lente regule a entrada de luz de acordo com o ambiente.

O Note 9, assim como o LG G7 ThinQ, conta com inteligência artificial que identifica o que está sendo fotografado para turbinar a imagem enquanto ela é tirada. E o smartphone da LG tem ainda, diferentemente dos concorrente, uma lente grande angular com vasta abertura, que capta uma área bem maior do que os outros celulares --no estilo "olho de peixe", semelhante ao da GoPro.

No iPhone, o destaque fica para as Live Photos, que deixam as fotos "vivas" com uma gravação de alguns segundos antes e depois do clique --com exceção para o modo retrato. O smartphone da Apple ainda tem um modo retrato bem melhor do que os rivais na câmera principal, graças ao uso de recursos do Face ID na tecnologia para tirar fotos.

Fotos com luz artificial

Todos os smartphones em análise conseguem lidar bem com a iluminação artificial - nenhum estoura ou borra na lâmpada, por exemplo. Mas repare na árvore verde ao fundo, do lado de fora da janela: os dois iPhones conseguem capturar melhor a sua cor, mesmo sob influência parcial do sol. Só que o iPhone deixa o branco um pouco amarelado, enquanto os outros modelos se mantêm mais fiéis ao "branco puro".

Boneco em luz parcial

Os dois iPhones se destacam com mais contraste do boneco e uma cor mais viva - mas, ao mesmo tempo, repetem o tom amarelado de áreas brancas. Aqui quem se sai pior é o G7, com pouco contraste na cor. O Note 9 e o S9+ não chegam a deixar as cores vivas iguais às do iPhone, mas apresentam uma boa qualidade na foto.

Foto com luz natural

O LG G7 ThinQ é o que se sai pior neste cenário --obteve a nota mais baixa do teste em ambiente claro. A imagem ficou lavada e com pouco contraste --as cores estão bem "apagadas". Foi difícil definir um vencedor entre os dois iPhones e os dois modelos da Samsung porque a qualidade dos quatro celulares é excelente e eles praticamente se equivalem.

O S9+, por exemplo, está com cores mais definidas na copa das árvores, mas o Note 9 reforça melhor a cor do céu. Já os dois iPhones conseguem captar tudo muito bem também, sem pesar tanto o preto nas sombras.

Foto noturna

Todos os celulares surpreenderam positivamente nas fotos tiradas à noite --normalmente, nesse tipo de iluminação os aparelhos sofrem. Nenhum, por exemplo, borrou muito as luzes dos postes na rua, o que é excelente. Historicamente os aparelhos da Samsung se saem melhor à noite e isso volta a se repetir com a abertura variável da lente, que foi turbinada.

O nível de detalhismo deles é melhor do que dos outros, principalmente em ambientes mais escuros do que o do teste e ocorrem menos granulações. Mas, os iPhones chamaram muito a atenção pelos avanços nas fotos noturnas. Foi impressionante ver o quanto a câmera da Apple compensou a luz no posto de gasolina (veja abaixo).

Modo Retrato

Aqui o vencedor é claro: o iPhone XS Max reina absoluto com o melhor modo retrato entre celulares. O desfoque é bem eficiente em torno do objeto principal e o fundo fica com o desfoque bem natural. Mas é bom notar que a Samsung cresceu muito nesta tecnologia e tanto o Note 9 quanto o S9+ vão bem no chamado modo "foco dinâmico" --a diferença para o modelo da Apple é pequena. O iPhone XR, com só uma câmera, e o LG G7 ThinQ deixam a desejar com um desfoque instável e inferior. Neles, é possível, mas dá mais trabalho conseguir uma foto boa.

Selfie com luz artificial

Aqui a briga é boa: a maioria dos celulares vai bem. Mas quem se destaca mais são os dois modelos da Samsung, Note 9 e S9+. Eles deixam as cores bem reais e com boa qualidade. A diferença é pouca para o G7, que também produz uma boa foto com a câmera frontal. Não que os iPhones façam fotos ruins: só ficam um pouco atrás por deixar o branco amarelado (mas o rosto fica com um contraste até melhor).

Selfie com pouca iluminação

Aqui os iPhones são os que vão pior: selfies com o aparelho da Apple em ambientes com menos luz ficam bem mais granuladas e com uma qualidade não tão boa. O S9+ e o Note 9 se destacam nesse tipo de iluminação, com o LG G7 logo atrás - o modelo da LG acaba exagerando um pouco na melhora automática da foto e a imagem fica um pouco irreal. Os três aparelhos, contudo, conseguem compensar mais a ausência de luz do que os modelos da Apple.

Zoom

Sem a câmera dupla na traseira, o iPhone XR é o que mais deixa a desejar no zoom, com uma aproximação inferior à dos concorrentes. Já o XS Max conta com um bom zoom, mas o tom amarelado predominante nas áreas brancas, comum nos últimos dispositivos da Apple, pesa contra. O S9+ e o Note 9 são os melhores nesse quesito - o LG G7 tem uma imagem com mais ruídos no zoom máximo do que os dois celulares da Samsung.

O veredicto

Difícil dizer qual smartphone é melhor entre esses cinco. A pergunta correta a ser feita é: que tipo de fotos você quer tirar com o smartphone?

Por exemplo: se gosta de tirar fotos de paisagem e adora lente olho de peixe, vá com o LG G7. Já para fotos à noite, a Samsung tem as melhores soluções. O conjunto da obra do iPhone também é muito bom e o iPhone XS Max conta com o melhor Modo Retrato entre os concorrentes.

No geral, a diferença entre eles é mínima. Então é bom colocar tudo na balança: o que você quer da câmera e, claro, o preço de cada aparelho. Afinal, tudo depende de quanto você está disposto a pagar.

Curtiu? Compartilhe.

Topo