Uber planeja instalar laboratório para carros voadores em Paris

Nate Lanxon e Jeremy Kahn

Da Bloomberg

  • Divulgação

    Conceito de táxi aéreo que está sendo desenvolvido pela Embraer em parceria com a Uber

    Conceito de táxi aéreo que está sendo desenvolvido pela Embraer em parceria com a Uber

Uber Technologies abrirá seu primeiro centro de pesquisa e desenvolvimento fora dos EUA e escolheu Paris para a instalação.

A empresa de carona compartilhada investirá 20 milhões de euros (US$ 23,5 milhões) ao longo dos próximos cinco anos no laboratório, que se concentrará em tecnologias para respaldar o desenvolvimento da iniciativa de carros voadores da Uber, chamada Uber Elevate, informou a empresa em comunicado, nesta quinta-feira.

VEJA TAMBÉM:

"Com engenheiros de classe mundial e um papel de liderança na aviação global, a França é o lugar perfeito para levar adiante nosso programa Uber Elevate e novas iniciativas tecnológicas", disse o CEO Dara Khosrowshahi no comunicado.

Devido ao fato de as ruas das cidades estarem cada vez mais congestionadas, o CEO quer que o futuro de sua empresa seja aéreo. A Uber tem cinco parceiras para a iniciativa de carros voadores trabalhando em uma nova geração de veículos projetados para voar perto de áreas urbanas densas, incluindo uma de propriedade da Boeing e outra fundada pelo pai do drone Predator.

O laboratório parisiense da Uber -- oficialmente chamado Advanced Technology Center Paris -- abrirá no outono (Hemisfério Norte) e a empresa informou que pretende criar novos empregos nos campos de aprendizado de máquina e visão computacional.

A Uber se une, assim, a uma série de outras empresas de tecnologia que estão abrindo instalações de pesquisa em Paris para tentar explorar a profunda base de talentos científicos e de engenharia da capital francesa. A cidade possui algumas das melhores universidades de orientação tecnológica do mundo, incluindo a École Polytechnique, com a qual a startup com sede em São Francisco fechou parceria para trabalhar em suas ambições de pesquisa e desenvolvimento.

Três anos atrás, o Facebook montou um centro de pesquisas em inteligência artificial em Paris -- atualmente o maior laboratório do tipo da empresa. A DeepMind, a empresa de IA com sede em Londres de propriedade da Alphabet, anunciou em março que também está abrindo um laboratório em Paris após uma jogada similar do Google, que é do mesmo grupo, anunciada em janeiro.

Khosrowshahi deve falar a respeito na conferência Viva Tech, em Paris, ainda nesta quinta-feira.

--Com a colaboração de Eric Newcomer

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos