Em feira, LG mostra celular do futuro enquanto Samsung S7 só traz melhorias

Larissa Leiros Baroni e Lilian Ferreira

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

A Samsung e a LG reservaram os seus principais lançamentos do ano para a Mobile World Congress --uma das maiores feiras de tecnologia móvel do mundo--, realizada em Barcelona, na Espanha.

A primeira optou por melhorar um dos mais populares smartphones do mundo, com o lançamento do S7 e S7 edge. A outra, em contrapartida, ousou ao romper com os padrões e apresentar o G5 como um modelo de "celular do futuro".

Com isso, vemos que tanto a Samsung quanto a Apple (que lançou o iPhone 6s em setembro) tentam melhorar o "time que está ganhando", enquanto a LG busca trazer algo novo para o mercado --que já estava parado há alguns anos-- em busca da liderança de vendas.

Com o conceito modular, o G5 conseguiu alinhar um design mais sofisticado --com corpo metálico-- à possibilidade de uma bateria removível, além de dar mais versatilidade ao dispositivo que pode se transformar em uma câmera que grava em 360º ou até em uma caixa de som.

Os modelos devem começar a ser vendidos mundialmente a partir de março, por um preço ainda não divulgado. O G5 deve chegar ao Brasil em abril, possivelmente o mesmo mês que marcará a chegada do S7 e do S7 edge no país --a data ainda não foi confirmada pela fabricante.

Câmeras para boas fotos

Já S7 e S7 edge apostaram na câmera, com a promessa de se proporcionar melhores fotos no escuro. Os aparelhos são os primeiros a ter a tecnologia Dual Pixel, que, aliada a maior abertura do sensor (F 1.7), passa a ser 56% mais sensível à luz do que a do S6. A Samsung também decidiu voltar atrás e recuperar antigos recursos, como o cartão de memória e a resistência à água --os dispositivos são capazes de sobreviver a água em uma profundidade de até 1,5m por 30 minutos.

No quesito câmera, o top de linha da LG também não deixa a desejar, com três câmeras. A câmera traseira dupla possibilita a captura de imagens em ângulos de até 135º, com um dos sensores que tem 16 megapixels, fotografando em até 78º, e o outro tem 8 megapixels, que faz as fotos mais amplas. Já a câmera frontal é composta por um sensor de 8 megapixels --superior aos 5MP do S7 e S7 edge. 

Reprodução

Telas que não desligam

Mas uma das grandes apostas tanto da LG como da Samsung está no display que nunca desliga. Chegaram até a usar o mesmo discurso e os mesmos números para justificar o recurso -- as pessoas checam seus telefones 150 vezes por dia. Certamente isso mostra uma tendência. A Motorola já vem investindo nesse conceito há um tempo, o Moto X, por exemplo, liga a tela com o passar da mão sobre ela, dispensando o uso dos botões. 

Por dentro, os três celulares são bem parecidos. Ambos rodam Android 6.0, possuem 4 GB de memória RAM e processador de oito núcleos. O S7 e o S7 edge se sobressaem no quesito bateria, com capacidade de 3.000mAh e 3.600mAh, respectivamente. Já a bateria do G5 é de 2.800mAh.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos