Reinaldo Canato/UOL

UOL Testa: Celulares

Com estilo premium e "em conta", A7 encanta no design e frustra na câmera

Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

O Galaxy A7 2017, modelo da Samsung lançado no início do ano, é uma tentativa da marca oferecer um celular com "jeitão" de top de linha a um preço mais "em conta" para o consumidor – nada muito barato, contudo. O UOL Tecnologia testou o aparelho e realmente notou que há elementos premium nele. Mas também defeitos que deixam o modelo longe dos mais modernos – a câmera é o maior deles.

É possível encontrar esse aparelho gigantinho da Samsung com tela de 5,7 polegadas por cerca de R$ 1.700 ou até menos em lojas varejistas, a depender de promoções e da forma de pagamento. Não é barato, mas fica longe dos absurdos R$ 4 mil dos modelos mais modernos.

Design elegante com ótima tela

Um dos pontos mais legais do A7 é seu design, principalmente na versão rosa claro que recebemos. Em meu uso de pouco mais de uma semana com o smartphone, não foi raro pessoas me perguntarem que celular bonito era esse na minha mão.

O modelo é revestido de vidro na frente e atrás, contando ainda com acabamento em metal nas laterais. Vale ainda lembrar que o A7 tem leitor de impressão digital no botão "home", função que já se espalhou por linhas intermediárias e até básicas por ai. Esse design dá elegância para o aparelho, mas tem seus lados negativos.

Paulo Camilo/UOL
Galaxy A7 2017 encanta mesmo pelo design

Um deles é a saída de som ser na lateral do dispositivo. O som é bem baixo e muitas vezes acabamos esquecendo a mão nesta saída. É melhor usar o bom fone de ouvido que acompanha o A7.

A tela dele também tem seus pontos positivos e negativos. O A7 é a versão em tamanho maior do Galaxy A5. O problema das 5,7 polegadas é que o celular é muito grande: impossível usar só com uma das mãos e vai ser difícil colocar no bolso. Ao menos a tela, com tecnologia Super Amoled, é excelente para assistir filmes, séries e o que mais for.

Estabilização ruim "mata" a câmera 

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Foto com a câmera principal do A7 - céu fica estourado por causa da luz do Sol

O Galaxy A7 parecia que viria com uma câmera potente após o anúncio de que tanto a frontal quanto a traseira contavam com 16 MP. Só parecia. O smartphone é a prova viva de que megapixel não é tudo – de fato, parece que uma empresa só aumenta o megapixel para corrigir e disfarçar no marketing possíveis defeitos da câmera.

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
É preciso segurar firme para tirar fotos legais com o A7

As duas câmeras, tanto a frontal quanto a traseira, até tiram fotos boas e aproveitáveis, principalmente quando a iluminação do ambiente está bacana. Mas o grande problema mesmo é a estabilização digital tenebrosa do smartphone da Samsung. 

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Galaxy A7 faz boas fotos quando a luz está boa...

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
...mas basta um mínimo movimento na hora do disparo que as fotos ficam péssimas

As fotos por muitas vezes ficam tremidas facilmente com o menor movimento ao clicar no disparador. Isso é percebido principalmente com a câmera frontal: foi bem difícil conseguir tirar uma selfie que se salvasse sem tremer, ainda mais em um aparelho pesado e grande. Normalmente era necessário tirar em média cinco fotos para aproveitar uma - ainda assim, um pouco tremida. 

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Selfies do Galaxy A7 são prejudicadas pela estabilização ruim

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Para tirar uma boa foto com o A7, é preciso paciência

Desempenho é ponto forte

O desempenho do A7 foi mais um ponto positivo. É claro que não chega no nível da rapidez e fluidez dos tops de linha, mas agradou bem. Não tivemos problemas graves com travamentos em nossos testes, tanto no uso simples de redes sociais e WhatsApp quanto em uso mais intenso com jogos como Mario Run, Temple Run e o popular Candy Crush.

Em um teste de desempenho feito pelo aplicativo Geekbench 4, o A7 obteve 4245 pontos quando analisado o desempenho de todos os núcleos ao mesmo tempo e 791 quando os núcleos são analisados individualmente. A pontuação é boa, em um nível parecido com o Zenfone 3 Zoom, acima do Moto G5 Plus e abaixo do Moto Z2 Play.

Paulo Camilo/UOL
Galaxy A7 também vai bem no desempenho - dá para jogar bastante

Um problema grave notado por nós no A5, contudo, voltou a se repetir no A7. O celular enfrentou dificuldade com a internet em dados móveis e muitas vezes não conseguia abrir páginas e apps em 3G ou 4G. Ou tivemos bastante azar com os dois modelos testados ou há algum problema na composição da linha A que atrapalha o sinal.

A bateria ao menos também foi bem, apesar de abaixo de modelos como o Zenfone 3 Zoom e do Galaxy A9 2016. Em um uso moderado, você conseguirá sair da sua casa sem ter que se preocupar com o carregador – ela aguenta um dia e até um pouco mais com seus 3.600 mAh.

Vale a pena?

Dizer se o celular vale a pena ou não vai depender do uso que você quer para o aparelho. O Galaxy A7 não está em um preço absurdo e por um valor até razoável você vai ter um aparelho com ótima tela (principalmente se gosta de telas grandes), desempenho legal e um design bem bonito.

Só que se você acha que a câmera é um elemento importante do smartphone, não vai ficar nem um pouco satisfeito com este modelo da Samsung. Aí é melhor pegar outro modelo, como o Zenfone 3 Zoom que tem um preço parecido e foi um dos aparelhos com melhor câmera que já testei – mas com design inferior ao A7.

Ficha técnica: Galaxy A7 2017

Tela: 5,7 polegadas
Sistema Operacional: Android 6.0.1
Processador: Exynos 7 Octa 7880 Cortex-A53 1.9 GHz octa-core
Memória: 32 GB de armazenamento e 3 GB de RAM
Câmeras: 16 MP (principal e frontal)
Dimensões e peso: 156,8 x 77,6 x 7,9 mm e 186 gramas
Bateria: 3.600 mAh
Pontos positivos: design bonito, ótima tela e bom desempenho
Pontos negativos: usabilidade ruim, câmera decepcionante e problema com dados móveis
Preço: R$ 1.700

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos