Inspirada em celulares, nova geração de laptops promete 22 horas de bateria

Colaboração para o UOL

  • Divulgação

    Notebook Asus NovaGo, primeiro do gênero a trazer o Snapdragon 835

    Notebook Asus NovaGo, primeiro do gênero a trazer o Snapdragon 835

Ter um smartphone cuja bateria dure mais de um dia, não é das funções mais fáceis atualmente. Agora, já pensou ter um laptop com autonomia de quase um dia? Isto está prestes a se tornar realidade, segundo a Qualcomm, que fabrica processadores.

A razão pelo qual estes futuros laptops poderão ter algo em torno de 22 horas de autonomia é que as empresas, basicamente, usarão todo o conhecimento obtido em criar processadores e chips para smartphone e colocá-lo em laptops. No caso, o chip usado nos computadores é o Snapdragon 835, presente em aparelhos avançados, como o Xperia XZ ou Moto Z2 Force.

VEJA TAMBÉM:

O processador não é o único item "roubado" dos smartphones. Esses aparelhos terão a mesma tecnologia Wi-Fi dos smartphones, que é supercompacta, e entrada para internet móvel LTE ou em alguns casos, eSim. Este último item trata de um padrão de chip de telefonia que já vem embutido no aparelho pode ser habilitado para funcionar em uma operadora - o recurso eSim ainda não foi oficializado no Brasil.

Atualmente, os laptops conseguem aguentar até 10 horas - caso de dispositivos topo de linha. Essa nova proposta de ter portáteis com bastante autonomia tem relação com a diferença entre processadores de computadores.

Por ora, foram anunciados dois modelos 2 em 1 "sempre conectados" que suportam mais de 20 horas de bateria: o Asus Nova Go o HP Envy X2.

Por dentro dos computadores

O Asus NovaGo conta com um processador Snapdragon 835, uma tela de 13,3 polegadas e opções de 64 GB, 128 GB e 256 GB de armazenamento. Já a memória RAM pode ser 4 GB ou 8 GB. A autonomia estimada da bateria é de 22 horas.

O portátil da Asus vem com Windows 10 S - uma versão do sistema mais simples que só roda apps da loja da empresa, mas que pode ser atualizado para rodar programas complexos, como Photoshop, por exemplo, com arquitetura x86, da Intel. É praticamente uma resposta da Microsoft ao Chrome OS, o sistema do Google que é baseado no navegador da empresa.

Ele ainda vem com duas portas USB tipo A (as convencionais), entrada de áudio p2, porta HDMI e cartão microSD. Por ter a opção de eSim, o usuário conseguirá, por exemplo, usar o seu número de telefone no computador 2 em 1.

A novidade da Asus custa a partir de US$ 599 e, por ora, só deve ser lançado nos Estados Unidos no segundo trimestre de 2018.

Divulgação
HP Envy X2

A outra opção é o HP Envy X2. Um pouco mais simples, ele tem uma tela HD de 12,3 polegadas, processador Snapdragon 835, 8 GB de RAM e 256 GB para armazenamento. A conexão do computador à internet é feita via 4G e Wi-Fi. Diferente do Asus com suas diversas portas, a opção da HP conta apenas com uma porta USB tipo C.

O aparelho promete uma autonomia de 20 horas e vem com Windows 10 S. O HP Envy X2 vai ser lançado oficialmente em 2018 e ainda não tem um preço sugerido.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos