Veja o que já sabemos sobre o G6, novo celular premium da LG

Do UOL, em São Paulo

O G6, atualização da linha premium de smartphones da LG, deve sair em breve. E já é possível especular alguns detalhes do modelo, com base nas poucas notícias e informações reveladas até agora. Além de não ser mais modular, o modelo deverá ter tela maior com vidro resistente, além de ser à prova d'água.

Apesar da empresa não ter marcado data oficial de lançamento, um vídeo divulgado no canal de YouTube da LG deu a data "fevereiro de 2017" para um grande lançamento em celulares. A época coincide com a MWC (Mobile World Congress), maior feira de telefonia móvel do mundo, que acontecerá de 27 de fevereiro a 2 de março em Barcelona, na Espanha.

Isso faz sentido sobretudo porque o G5, antecessor da linha, foi anunciado mundialmente na MWC. Na época, o modelo chamou a atenção por seu design de conceito modular, isto é, que permitia trocar uma parte do aparelho --no caso, a bateria e a parte de baixo-- por um acessório que reforçasse algum recurso do celular, como um alto-falante ou câmera melhores.

Outra inovação interessante foi o sistema de câmera dupla na parte traseira, com dois sensores traseiros: um de 16 MP com lente padrão e outro de 8 MP com lente grande angular.

Porém, o aparelho não foi bem nas vendas. E no Brasil, o G5 foi prejudicado pela decisão da LG de vender uma versão "SE", que não apenas veio com um processador inferior ao vendido no exterior --lá fora tinha o Snapdragon 820, aqui foi o 652-- como reduziu a memória RAM de 4 para 3 GB.

Voltando ao G6, como ele poderá ser?

Tela

Segundo o jornal "The Korea Herald", a tela do G6 terá uma resolução Quad-HD+ (1.440 x 2.880 pixels, quatro vezes superior à HD) na proporção 18:9, o que na prática resultará em uma tela mais comprida. Quanto às polegadas, serão 5,7 polegadas, contra as 5,3 do G5. A iluminação será do tipo LCD, e não a Amoled, usada em alguns modelos da Samsung, no Moto Z (Lenovo) e no Zenfone 3 Deluxe da Asus.

Corpo

O G5 tinha seu acabamento todo em metal --menos a tela, claro-- e o G6 deve ir pelo mesmo estilo. O vidro da tela deve ser o Gorilla Glass 4, o mesmo usado no seu antecessor. No vídeo divulgado recentemente pela LG, um dos pedidos cita a resistência da tela: "Não quero ficar pagando por uma tela quebrada ou afins".

Repro

Não-modular

A LG deverá abdicar de uma de suas maiores ousadias: o design modular. A decisão deve ter sido consequência das baixas vendas e críticas sofridas --os módulos adicionais do G5 eram caros e a retirada da bateria para acrescentar o módulo era pouco funcional. Então espere por um aparelho mais convencional.

Processador

O G5 na época saiu com o melhor processador da Qualcomm na época, o Snapdragon 820, e neste ano a bola da vez será o 835, chip lançado na feira de tecnologia CES. Então é bem provável que este seja o processador do G6 --só não dá para cravar se será este mesmo processador em todos os países, já que no Brasil, por exemplo, o G5 SE contou com o Snapdragon 652, de velocidade inferior.

Câmera

Um dos itens mais misteriosos é a câmera, pois o vídeo da LG tem uma pessoa dizendo que "quer capturar tudo ao mesmo tempo", o que certamente tem a ver com uma boa câmera, mas isso não quer dizer muita coisa --um recurso de captura de múltiplas fotos por segundo, talvez? Mas um chute que podemos dar é que a câmera traseira continuará sendo dupla, ainda mais que o recurso está em alta --vide o iPhone 7 Plus e outros modelos da Huawei (P9, Honor 8) e da própria LG (X Cam, V20).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos