Em 12 meses, Brasil registra queda de 6,63 milhões de linhas de celular

Bruna Souza Cruz

Do UOL, em São Paulo

  • iStock

    Volume de linhas móveis ainda é grande, mas tem apresentado queda

    Volume de linhas móveis ainda é grande, mas tem apresentado queda

As assinaturas dos telefones fixos estão diminuindo e isso já não é novidade para ninguém. Mas sabia que as linhas de celular também tiveram uma queda?

Dados divulgados pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) nesta sexta-feira (25) mostram que o Brasil fechou o mês de abril com 253,71 milhões de linhas móveis. O volume representou queda de 2,74% (6,63 milhões de linhas a menos) quando comparado ao mesmo mês em 2017.

Veja também: 

Na comparação dos dados entre abril e março deste ano, a redução foi de 0,03%. Ou seja, de um mês para o outro o país registrou em torno de 80,22 mil linhas de telefone celular a menos.

Serviços pré-pagos

Do total de linhas móveis em operação no Brasil, 144,16 milhões entram na categoria pré-paga.

Nos últimos 12 meses, elas também registraram queda, com recuo de 10,71% (com 17,28 milhões de linhas móveis a menos).

Na relação entre abril e março deste ano, as assinaturas diminuíram 0,68% no período, representando redução de 987,18 mil linhas pré-pagas.

Linhas pós-pagas

Por outro lado, a telefonia móvel cresceu na categoria pós-paga e fechou abril com 91,54 milhões de assinaturas. Em 12 meses, ela aumentou 13,17%, totalizando 10,65 milhões de linhas móveis a mais.

Comparando abril e março, a categoria também apresentou crescimento. Ao todo, foram contabilizadas 906,95 (alta de 1%) mil linhas a mais do que no mês anterior.

Qual operadora tem mais linhas para celular?

Pelo que vimos até aqui, as linhas de telefone celular estão diminuindo, mas o volume ainda é gigantesco.

De acordo com dados da Anatel, a Vivo foi a operadora que mais teve crescimento de assinaturas. Ela fechou abril com 31,85% de participação no mercado e o total de 75,08 milhões de linhas móveis.

A Claro aparece no segundo lugar com 25,03% de mercado e 58,99 milhões de linhas móveis.

A Tim surge na terceira colocação com participação no mercado de 24,41% e 57,54 milhões de linhas para celular.

A Oi fica com a última colocação, com uma fatia de mercado de 16, 47% e 38,83 milhões de linhas.

Ranking dos Estados

São Paulo continua sendo o Estado com o maior número de linhas móveis no Brasil. Em abril, a região contabilizou 65,52 milhões de assinaturas e participação de 26,52% do total brasileiro.

Minas Gerais ficou em segundo lugar com 22,43 milhões de linhas móveis em operação (9,5% de participação). Rio de Janeiro vêm na sequência com 20,54 milhões de linhas (8,71% do total).

Confira a baixo os campeões em cada região:

Região Nordeste

  • Bahia - 14,37 milhões de linhas móveis e 6,09% de participação no total brasileiro

Região Sul

  • Rio Grande do Sul - 13,56 milhões de linhas móveis e 5,75% de participação no total brasileiro

Centro-Oeste

  • Goiás -  7,86 milhões de linhas móveis e 3,34% de participação no total brasileiro

Região Norte

  • Pará - 7,30 milhões de linhas móveis e 3,1% de participação no total brasileiro

Quando considerado os campeões nos últimos 12 meses, Roraima foi o Estado que apresentou o maio crescimento percentual em seu número de linhas móveis. Ao todo, foram mais 15,60 mil linhas, o equivalente a alta de 3,24%.

O Amazonas também ganhou destaque com alta de 2,77% e mais 95,71 mil linhas móveis. São Paulo vem na sequência com crescimento de 0,39% e 243,94 mil linhas para celulares.

Amapá e Espírito Santo aparecem também com crescimento de 0,35% (mais 2,25 mil linhas) e 0,16% (mais 6,01 mil linhas), respectivamente.

Segundo a Anatel, os demais Estados e o Distrito Federal tiveram redução no volume de assinaturas móveis. 

Getty Images/iStockphoto

WhatsApp: quer saber como aproveitar melhor o seu mensageiro preferido?

Clique aqui

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos