UOL Notícias Tecnologia

18/03/2011 - 07h00 / Atualizada 12/04/2016 - 13h02

iPad 2 chega ao Brasil no "mercado paralelo" online por até R$ 3.648

ANA IKEDA
Do UOL Tecnologia
  • iPad 2 vendido pelo Orkut custa entre R$ 1.600 a R$ 2.370 em oferta de usuário mineiro

    iPad 2 vendido pelo Orkut custa entre R$ 1.600 a R$ 2.370 em oferta de usuário mineiro

Não demorou muito para surgirem as primeiras ofertas do iPad 2 no mercado brasileiro, mas informalmente. Longe de haver uma data provável de quando o novo tablet da Apple será lançado em solo nacional, alguns usuários aproveitam a febre para vender aparelhos pela internet por aqui, com preços de até R$ 3.648. O negócio é arriscado: não há como saber se o vendedor realmente tem o ultraportátil comprado no exterior.

Sites de leilões já mostram as primeiras ofertas -- e bem caras -- do iPad 2. O modelo mais completo, de 64GB com Wi-Fi e 3G, é encontrado por preços que vão de R$ 2.999 a R$ 3.648.

Numa comunidade sobre o iPad no Orkut, usuários vendem o tablet trazido na bagagem de volta de viagens aos Estados Unidos. “Tenho tio e tia comissários de bordo”, anuncia um membro no fórum. Em sua oferta, o modelo mais simples, de 16GB com Wi-Fi, custa R$ 1.600. Já o de 64GB, com Wi-Fi e 3G, sai por R$ 2.370. O tablet é enviado "sem taxa para moradores de Belo Horizonte (MG)", mas com frete pago pelo comprador para outras localidades.

Outra oferta, também de um usuário do Orkut, morador da cidade de São Paulo (SP), é de R$ 2.150. O “kit” oferece o iPad 2 de 16 GB com Wi-Fi, além da nova capa da Apple (Smart Cover) na cor azul. Com nota fiscal e entregue “em mãos”, diz o membro no fórum.

Quando o preço real do iPad 2 em dólar é convertido na moeda nacional, sem adicionarmos taxas de impostos do Brasil sobre o tablet, fica evidente o "negócio da China" para quem vende o aparelho. O modelo de 16 GB custa de fato R$ 835 (a metade do oferecido no Orkut do "mineiro"). Já o de 64 GB custaria R$ 1.387 (quase dois mil reais a menos que o iPad "mais caro" oferecido no site de leilão).

Entretanto, vale lembrar a quem pretende trazer produtos ao Brasil dessa forma que a Receita Federal estabelece uma cota de até US$ 500 em compras no exterior, regra que permanece inalterada para computadores portáteis, mesmo após a portaria 440. É necessário declarar valores excedentes à alfândega brasileira, além de pagar 50% do respectivo excesso como multa. Se não declarar e for pego em flagrante, o pagamento é de 100% sobre o valor excedente aos US$ 500.

Quase “extorsão”

Se achou os preços no mercado paralelo brasileiro caros, espere para conhecer uma oferta achada no eBay, um dos sites de leilão mais populares do mundo. Não é apenas no Brasil que vendedores informais faturam com o tablet da Apple.

Preço nas alturas

  • Reprodução

    Modelos mais simples do iPad - com 16 GB e Wi-Fi - chega ao preço de US$ 1.999 no eBay

O modelo mais simples do tablet sai por até US$ 1.999,99 (e com frete de US$ 15,95). Seriam quase R$ 3.373 para comprá-lo. Daria para comprar dois iPads – mas da primeira geração – aqui no Brasil, apenas para comparar.

Preço do velho cai

O lançamento da segunda geração de tablets da Apple, que ocorreu no começo deste mês, já afeta os preços dos iPads vendidos no país. Os preços sugeridos na loja da Apple no Brasil -- que ficavam entre R$ 1.650 e R$ 2.599 -- caíram para R$ 1.399 até R$ 2.399.

Um site de vendas online chega a oferecer o modelo mais simples do tablet por R$ 1.249, preço mais barato encontrado numa busca feita pelo UOL Tecnologia.

Veja mais

Últimas Notícias

Hospedagem: UOL Host